Atualidade

Shaun T: o sobrevivente de abusos sexuais que criou um império do fitness

Ultrapassou a má forma, venceu traumas e saiu da pobreza. Hoje é autor de planos de treino seguidos em todo o mundo e a 18 de maio dá uma aula em Lisboa.

Na pequena cidade de Camden onde nasceu, Shaun Thompson é abordado na rua quase todos os dias. Há quem o trate por Senhor Shaun, embora o mundo o conheça simplesmente por Shaun T., nome profissional do fenómeno por detrás de alguns dos planos de fitness mais bem-sucedidos dos últimos anos.

Aos 41 anos, o norte-americano tem um corpo invejável e não pára enquanto não fizer de nós também um exemplo de saúde e boa forma. Hoje uma celebridade do fitness, começou por fazer televendas com os seus exercícios de dança funk e treinos intensivos,

Shaun Thompson começou a criar o nome pelo qual ficou conhecido na Universidade de Rowan, nos EUA, como estrela de atletismo. Foi também lá que tirou um bacharelato em Ciências do Desporto e uma especialização em Teatro e Dança. Dançou como bailarino de Mariah Carey e teve um pequeno papel como ator na série de televisão “Seis Palmos de Terra” da “HBO”.

Só em 2007 é que começou realmente a fazer o que tinha nascido para fazer: combinar os dois cursos de forma épica e criar programas de treino insanos que viriam a ser um sucesso mundial. A 18 de maio, cerca de quatro centenas de pessoas terão a oportunidade de experimentar o famoso plano de fitness no Pavilhão Desportivo do Externato Marista, em Lisboa, na sequência da sua digressão “Shaun T. Trains Europe 2 Tour”. Haverá uma intensa aula de 45 minutos, seguida de uma palestra motivacional. Quem tiver bilhete VIP, poderá mesmo tirar uma fotografia com instrutor de fitness. Os preços dos bilhetes variam entre 15€ e 40€ e já estão esgotados.

O primeiro treino do também coreógrafo inspirou-se na dança e assim nasceu o “Hip Hop Abs”, em 2003. Um ano depois, surgiu o “Rockin’ Body”. Se quiser dançar até perder todo o peso extra que o incomoda, treinar como um atleta profissional ou simplesmente fazer o treino mais difícil já feito, Shaun T. tem o programa certo para isso.

Um dos seus mais bem-sucedidos planos de treino em vídeo – que todos podem fazer em casa e sem qualquer equipamento – é o “Insanity Workout”, um plano que “vira completamente ao contrário o velhinho treino intervalado”, conta à “GQ”. Trata-se de uma combinação de exercícios que tiram partido apenas do peso do corpo, lado a lado com movimentos de artes marciais e pliometria, um tipo de treino explosivo e que envolve saltos, muitos saltos.

A eficácia e resultados dos seus treinos levaram-no “The Tonight Show” de Jay Leno ou ao programa de Ellen DeGeneres. E, agora, pela primeira vez, a Portugal.

Os abusos e os excessos que motivaram uma revolução

Criado pelos avós em Deptford Township, uma pequena localidade nos arredores de Filadélfia, foi por lá que começou a gostar de futebol, beisebol e atletismo, ainda durante a escola secundária. No primeiro ano da universidade engordou quase 23 quilos – e foi nesse momento que começou a interessar-se pelo fitness.

Foi a aeróbica que marcou a maior parte do curso de Shaun, como parte obrigatória do programa de Ciências do Desporto. Acabou previsivelmente por tornar-se instrutor da modalidade.

Já formado, mudou-se para Los Angeles onde trabalhou como coreógrafo, bailarino e treinador. O primeiro emprego foi como bailarino da artista pop Mariah Carey, que conciliava com aulas de ginástica num ginásio, pelo menos até, em 2007, ser abordado pela Beachbody, uma multinacional norte-americana na área de produtos de fitness e de nutrição, que lhe pediu para enviar uma demonstração de treino em vídeo. A amostra agradou aos responsáveis e o projeto avançou.

Desde que a Beachbody lançou o seu primeiro DVD, o “Hip Hop Abs”, em 2007, a empresa já vendeu mais de oito milhões de vídeos de exercícios, incluindo o programa “Insanity”, o mais famoso plano de treino de Shaun. “Confia e acredita. Nunca desistas”, é o lema e a frase que não se cansa de repetir nos seus vídeos.

Muito antes da fama, de conquistar salas de treino com o seu mantra de pensamento positivo e o seu tronco brilhante e moldado, foi forçado a sobreviver a consecutivos abusos sexuais, sorfridos entre os oito e os 12 anos.

A história turbulenta do instrutor foi mantida em segredo pelo próprio e revelada quando explodiram as notícias de abusos e de conduta imprópria em torno de Harvey Weinstein, Kevin Spacey e Brett Ratner.

Fê-lo através das suas memórias, “T Is For Transformation”, livro lançado em novembro de 2017, onde Shaun T. incentiva todos os que sofreram abusos a seguirem os seus passos e a enfrentarem os seus demónios.

Shaun T: o sobrevivente de abusos sexuais que criou um império do fitness
Nem todos conseguem acompanhar o ritmo de Shaun T.

No mesmo livro, Shaun descreve como foi crescer pobre: “Escondia pão nas cuecas porque a comida era racionada em nossa casa”. A sua família era forçada a recorrer aos apoios sociais para colocar comida na mesa, usava meias com buracos e não desistia dos sapatos até terem as solas completamente rotas.

Shaun nem sempre foi uma máquina do fitness. Nas memórias recorda os tempos de universitário, quando deixou de correr e, graças às noites recheadas de pizzas gordurosas a horas tardias, acabou com mais 20 quilos e um corpo com excesso de gordura e fora de forma.

Aos 26 anos fez terapia e, agora, diz que “existe vida após o trauma” . Hoje é um famoso motivador, coreógrafo, criador de programas de fitness que se tornaram um fenómeno e empresário.

Se Shaun é famoso pela sua atividade profissional, o treinador de 41 anos sempre foi discreto sobre a sua vida pessoal.

O outro grande segredo

A adolescência problemática não foi a única revelação íntima que Shaun decidiu partilhar com os fãs. A homossexualidade era também um segredo bem guardado, pelo menos até 2012, quando anunciou no Twitter que iria casar com Scott Blokker. Cinco anos depois, o casal anunciou que depois de recorrer a uma barriga de aluguer, iria ser pai de gémeos.

Shaun T: o sobrevivente de abusos sexuais que criou um império do fitness
Shaun e Scott são pais de gémeos

Foram precisas 12 árduas tentativas, seis dadoras de óvulos, cinco barrigas de aluguer, dois médicos, um aborto e milhares de dólares gastos em tratamentos. Os dois filhos, Silas Rhys e Sander Vaughn, partilham o mesmo óvulo, mas Sander teve origem a partir do esperma de Shaun T. e Silas de Scott.

Os bebés nasceram com 32 semanas e passaram as primeiras três na unidade de terapia intensiva neonatal. Atualmente, as crianças já têm um ano e meio e o casal vai dando conta da evolução dos gémeos em publicações a que chamam “Twinsanity”.

Outros artigos de Atualidade

Últimos artigos da 4MEN