Bola

Verão de 93: a história do ataque sem dó do Sporting que Vieira quer vingar

Com o Benfica em dificuldades, o Sporting seduziu dois dos craques da Luz a rescindirem com justa causa. Agora, o presidente benfiquista promete vingar o ataque de há 25 anos.

Paulo Sousa e Pacheco rescindiram e mudaram-se para Alvalade

“Este ano vou fazer uma pequena loucura que se calhar não devia fazer. Mas vou fazer. Não interessa se é o Bruno, se é o António ou o Joaquim. Há 25 anos brincaram connosco, mas não brincam mais”.

A confissão de Luís Filipe Vieira chegou já de madrugada, no final da Assembleia-Geral desta segunda-feira, 11 de junho. As palavras do presidente do Benfica não são inocentes. Horas antes, o Sporting sofria mais uma convulsão com a rescisão de três dos seus melhores jogadores: Gelson, Bruno Fernandes e William Carvalho, que se juntam a Rui Patrício e Podence.

Afinal, o que é que aconteceu há 25 anos? Em 1993, o cenário que hoje atemoriza os sportinguistas aconteceu precisamente ao contrário. O Benfica, em extremas dificuldades financeiras, viu o Sporting aproveitar a situação para roubar dois dos seus principais jogadores. Só que a história não começou apenas nesse ano da década de 90.

Para contar esta história é preciso falar de Paulo Futre, o craque que já tinha mostrado todo o seu talento ao serviço do FC Porto, mesmo antes viajar para o Atlético de Madrid. A sua saída precoce do Sporting não agradou à direção do clube, que ambicionava o regresso de um dos meninos de ouro do futebol português.

Futre de vermelho irritou os dirigentes sportinguistas

Sousa Cintra queria trazê-lo e garantiu que o processo estava bem encaminhado. Só que uns dias mais tarde, quando Futre aterra na capital, acaba por viajar até à Luz, mesmo depois de ter dito que preferia regressar ao Sporting.

O presidente do Sporting enfureceu-se. Queixou-se que o jogador fez exigências de última hora e que isso inviabilizou o negócio. Futre passava a vestir a camisola do Benfica, um insulto à honra sportinguista. Nesse ano o Benfica venceu a Taça de Portugal, mas a vingança leonina estava para chegar. 

Outros artigos de Bola

Últimos artigos da 4MEN

Queremos ser seu amigo no Facebook. Pode ser?