Comer e beber

Casa Lisboa: a nova esplanada gigante do Terreiro do Paço só tem pratos portugueses

Tem capacidade para 200 pessoas e vai ser um dos spots da zona este verão. Luís Gaspar é o chef responsável pela cozinha dedicada aos sabores nacionais.

A esplanada tem capacidade para duas dezenas de pessoas.

Estávamos à espera que Luís Gaspar voltasse a Lisboa com o regresso esperado da Sala de Corte, o restaurante do Cais do Sodré que fechou no final de 2017. Enquanto as carnes maturadas não voltam a ser servidas, o chef não ficou parado e abriu um novo projeto na cidade. Chama-se Casa Lisboa, fica no Terreiro do Paço, e tem uma esplanada gigante com capacidade para 200 pessoas.

O novo restaurante é do grupo Multifood e está aberto desde o final de maio. “Estamos a trabalhar no espaço desde o início do ano, logo depois do grupo ter ganho o concurso público”, explica o chef Luís Gaspar. Foi o vencedor da edição 2017 do concurso Chefe Cozinheiro do Ano 2017, isto ainda durante o trabalho na Sala de Corte, e agora dedica-se aos pratos nacionais.

“Sou um defensor do receituário português.” Na Casa Lisboa tanto encontra pratos tradicionais com grande aposta na qualidade dos produtos, como sabores clássicos apresentados de forma diferente e com muitas técnicas inovadoras. É o caso do Ovo a 64º, uma versão dos ovos mexidos com farinheira (6€), ou da salada de polvo, com um tentáculo de polvo crocante e batata doce (16€).

Claro que num restaurante tradicional não podiam faltar os clássicos peixinhos da horta (8€), amêijoas à Bulhão Pato (18€) ou pica pau de novilho (18€). Nos pratos tem o bacalhau à Brás com gema confitada (16€), um arroz de marisco servido com uma gyoza de bivalves e camarão tigre (24€), um bife à Casa Lisboa (24€), arroz de pato com enchidos de porco ibérico (16€), ou um leitão com puré de batata doce (16€).

Nas sobremesas a tradição mantém-se, mas com um toque de criatividade do chef. Arroz doce com sorbet de maçã e lima (6€), pudim de abade de Priscos com gelado de limão e tomilho (6€) ou ananás dos Açores assado no Josper com moscatel e um gelado de requeijão (6€), são algumas das opções.

Na esplanada será ainda montado um bar de apoio. Para já é apenas no interior que são preparados os cockatils também preparados com bebidas bem nacionais. Prove o Sour de Lima e Alecrim, com aguardente de medronho, o de vinho do Porto com cereja e lima, ou o de licor de ginja sem Rival com cereja e lima — cada um a 12€.

O espaço esteve em obras durante os últimos meses e fica no espaço de umas antigas instalações militares. É a primeira vez que ali funciona um restaurante. Vai querer ficar na esplanada, mas no interior também tem lugares. Há mesas de pedra no piso inferior, de onde vê toda a cozinha, mas também em cima com vista para as arcadas e para o Terreiro do Paço.

Quanto à Sala de Corte, ficará também na zona do Cais do Sodré e será um espaço muito maior. A previsão é que abra no final de julho. Enquanto isso não acontece, aqui tem alguns pratos que vieram de lá. É o caso dos croquetes de novilho (6€) e do hambúrguer com cebola caramelizada, ovo e queijo cheddar (16€).

Carregue na foto para conhecer pratos da nova Casa Lisboa.

Outros artigos de Comer e beber

Últimos artigos da 4MEN