Cafés e Bares

Negra Café: o novo espaço do Porto tem jukebox e muitos bolos

Depois de um bar, os dois responsáveis abriram um café com boas sugestões para o pequeno-almoço e lanche.

O Red Velvet tinha acabado de sair do forno e Bianca Martins, uma das responsáveis pelo Negra Café, estava a bater o bolo borrachão enquanto falava com a NiT. “É a primeira vez que o faço, leva um cálice de vinho do Porto”. O novo espaço do Porto só começa a receber clientes a partir das 9h30, mas logo às 7 horas Bianca já está de avental na cozinha. É ali que prepara todos os dias os vários bolos caseiros do menu.

O Negra Café estava em obras desde março e foi todo decorado por Bianca Martins e pelo marido, José Wilson, com máquinas de costura antigas transformadas em mesas, cadeiras recuperadas e uma jukebox — que foi descoberta numa lojas da Baixa.

“Estamos só à espera que chegue o adaptador para moedas de 50 cêntimos. Ainda funciona com as de 100 escudos.”

O casal já tem um bar na Rua Cândido dos Reis, o W Black, há seis anos. Recentemente começaram à procura de um novo conceito. “Queríamos um espaço simples, onde as pessoas viessem tomar o pequeno-almoço, um café e se sentissem bem.”

Cada fatia de bolo custa 2,90€. A carta tem ainda croissants, torradas, quiches, ovos mexidos, taças de iogurte, frutas, granola e açaí (desde 3,50€), tostas de espargos e cogumelos ou salmão com queijo creme e cebolinho (7€), tudo para acompanhar com sumos naturais ou um simples café.

Desde que abriu, a meio de julho, que os almoços têm sido muito populares, sobretudo por causa do menu salada. Custa 7,50€ e leva até oito ingredientes — sim, oito. A base pode ser de mistura de alfaces, quinoa ou massa e depois é só juntar legumes, frango, camarão ou salmão. Os clientes é que escolhem.

No Negra Café há ainda uma zona para as crianças brincarem. Está decorada com cabeças de Tweety — que Bianca Martins encontrou numa loja —, muitos sofás e uma esplanada. No total, sentam-se 60 pessoas.

Quem é que manda nisto tudo?

Nome: Bianca Martins
Idade: 32 anos
Formação: Gestão (Católica do Porto)
O prato favorito: “Qualquer lasanha”
Maior guilty pleasure: francesinhas
Convença-nos a visitar o seu espaço: “Aqui é para dar pausa. Basta passar cinco minutos por aqui para se sentirem bem.

Carregue na galeria para saber mais sobre o novo Negra Café.

Outros artigos de Comer e beber

Últimos artigos da 4MEN

Queremos ser seu amigo no Facebook. Pode ser?