Cafés e Bares

O Porto tem uma fábrica de pastéis de nata quentinhos

Depois de duas lojas em Lisboa, a Fábrica da Nata abriu o primeiro espaço no norte. Tem fornadas a toda a hora.

Há fornadas destas a sair a toda a hora.

O Porto está a ficar uma cidade imprópria para quem está de dieta. Depois da Manteigaria ser inaugurada na renovada loja da Delta Q, foi a vez da Fábrica da Nata se estrear a norte. A marca já tinha duas lojas em Lisboa e chegou ao Porto com fornadas a toda a hora, além dos vários menus onde pode pedir as natas com ginjinha ou um copo de vinho.

A Fábrica fica na Rua de Santa Catarina e abriu no passado verão. A loja tem dois pisos, mas é no rés do chão que tem de ficar se quiser ver todo o processo de fabrico. Antes de irem para os fornos a 350ºC, as bases são moldadas com a massa folhada e recheadas com o creme. Cada pastel custa 1€. São também vendidas caixas de seis unidades a 6€.

Pode acompanhar tudo com café, ginjinha em copo de chocolate ou vinho do Porto. No espaço tem ainda menus de pequeno-almoço, com croissant, sandes mista, café e um pastel (3,80€), de lanche, com tosta e sumo de uma nata (4,60€), ou de almoço, com sandes de presunto ou panado, uma bebida e o inevitável pastel (4,90€).

A decoração é idêntica à das restantes lojas da marca, com mosaico hidráulico, sofás e bancos corridos azuis, mesas de pedra e lustres. Por enquanto só há lugares no interior, mas será montada uma esplanada nas próximas semanas.

A primeira Fábrica da Nata abriu em março de 2016 na Praça dos Restauradores, em Lisboa. A 2 de abril de 2017, os pastéis chegaram também à Rua Augusta, na Baixa da cidade.

Carregue na foto para saber mais sobre a nova Fábrica da Nata.

Outros artigos de Comer e beber

Últimos artigos da 4MEN

Queremos ser seu amigo no Facebook. Pode ser?