Desporto

Estado de saúde de Michael Schumacher pode ter-se agravado

Revelação foi feita pelo amigo e antigo líder da Ferrari, Jean Todt.
Os amigos estão preocupados.

Há novos desenvolvimentos em relação ao estado de saúde de Michael Schumacher, mas as notícias não são nada animadoras. Jean Todt, antigo responsável da Ferrari e amigo íntimo do hexacampeão de Fórmula 1 revelou esta semana que o antigo piloto piorou.

À margem do Goodwood Festival of Speed, um evento realizado em tributo ao antigo campeão, em Sussex, Reino Unido, Todt disse ao “Daily Express” que Schumacher tem vindo a ter cada vez mais dificuldades em comunicar com quem o rodeia.

“[Michael Schumacher] Continua a lutar, assim como toda a família, tanto quanto é possível”, assinalou, mostrando-se muito triste por ver a degradação do estado de saúde do seu amigo. “A nossa amizade nunca mais vai ser a mesma”, afirmou Jean Todt.

Recorde-se que Schumacher sofreu um grave acidente de esqui nos Alpes franceses, em dezembro de 2014, que o deixou com lesões cerebrais graves. Desde então, pouco tem sido revelado sobre o estado de saúde do antigo piloto alemão da Ferrari.

Outros artigos de Desporto

Últimos artigos da 4MEN