Hello, Ladies

Joana Ribeiro: a portuguesa que vai brilhar em Cannes

Saltou das novelas para o cinema e logo num filme de Terry Gilliam, ao lado de nomes como Adam Driver, Jonathan Pryce e Michael Palin.

Como se chama uma atriz portuguesa que partilha os camarins com Jonathan Pryce, Adam Driver e Stellan Skarsgard num filme realizado pelo eterno “Monty Python” Terry Gilliam? Neste caso, a resposta certa é Joana Ribeiro.

A atriz que se tornou mais conhecida pela estreia na novela “Dancin’ Days” da SIC e que passou por outras produções como “Sol de Inverno” e “Poderosas”, fez uma pausa na novela “Paixão” para o papel da sua vida: o de Angélica em “O Homem que Matou D. Quixote”.

O filme fetiche de Terry Gilliam foi finalmente para a frente depois de ter estado no centro de uma polémica com o produtor Paulo Branco, que chegou a recorrer à justiça para tentar que o filme não fosse exibido em Cannes. Sem sucesso. Polémicas à parte, o que interessa mesmo aqui é a presença de Joana Ribeiro que estará em Cannes para a estreia.

Apesar de gostar de trabalhar em Portugal, a atriz de 26 anos contou ao “Sapo 24” que a experiência serviu para perceber que “as portas não estão todas fechadas e que o mundo é mais global”. Ainda assim, não deixou de apontar dedo ao estado do teatro nacional: “Não é o ir para fora que nos deveria dar consagração enquanto atores e, infelizmente, o que sinto é que, às vezes, é mais fácil ganhar reconhecimento lá fora do que em Portugal. E isso é uma pena. Devíamos ser os primeiros a impulsionar os nosso atores e realizadores e ter orgulho naquilo que temos”.

Carregue na galeria para ver mais imagens de Joana Ribeiro, acompanhadas das nossas citações favoritas do escritor português Guerra Junqueiro.

Outros artigos de Hello, Ladies

Últimos artigos da 4MEN