Man cave

É um dos elétricos mais vendidos e regressa em 2019 numa versão melhor – e mais barata

Já há imagens e detalhes do novo Renault Zoe, o elétrico mais vendido em França e o segundo mais cobiçado na Europa.
Carregue nas setas para ver mais imagens

Comercializado desde março 2013, o Renault Zoe é o número um das vendas de modelos elétricos em França e o número dois na Europa, só ultrapassado pelo Nissan Leaf. Ao fim de seis longos anos, a marca decidiu que já era tempo de inovar e dar-lhe mais autonomia.

O protótipo da nova versão está a ser testado no Technocentre Renault, de Guyancourt, França. As primeiras imagens foram divulgadas pelo portal francês “L’Argus”. O novo carro mostra-se com um ar mais sofisticado e com acabamentos de topo de gama. No entanto, a grande mais-valia está nas melhorias técnicas. A capacidade da sua bateria permitirá até 400 quilómetros de autonomia, segundo o protocolo WLTP, podendo carregar até 100 kW nas estações de carregamento rápido.

A Renault quer acrescentar-lhe um motor R110 (109 ch), um dos mais potentes no mercado. A segunda geração do automóvel é essencialmente uma evolução do anterior, sendo que muitos detalhes ficam intactos nesta nova versão. Ainda assim, os designers retocaram o capô, a grelha, os párachoques, o monitor e os faróis traseiros.

A empresa considera que o melhor está no interior. O veículo traz um novo volante, um painel, com várias ferramentas digitais, disponível em dois tamanhos: 7 e 10 polegadas (com GPS). Comandos para a climatização, um novo ecrã tátil de 7 ou 9,3 polegadas e o novo Easy Link são outras das novidades.

O Zoe 2 passará ao nível dois da condução autónoma, segundo a Renault, com ajuda de assistente de voz, regulador de velocidade ativo e o sistema Trafic Jam que permite parar e voltar a arrancar sem a intervenção do condutor.

A Renault deverá fixar o valor do novo Zoe em 30 mil euros, o que o deixa 2.600€ mais barato do que o carro anterior. Será produzido ao longo do segundo trimestre do ano e comercializado no final do verão.